ventosaterapia

Ventosaterapia: conheça todos os benefícios e qual o preço

A ventosaterapia é um dos tratamentos naturais capazes de proporcionar uma série de benefícios.

Comumente adotada por atletas em busca de uma melhor performance, também é capaz de trazer melhores estéticas e a melhora do bem-estar.

Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre a ventosaterapia, como a técnica funciona, quais são os seus benefícios e contraindicações:

Ventosaterapia o que é?

Você já se perguntou o que são as grandes marcas circulares vermelhas que frequentemente estão presentes nos corpos de atletas em meio as performances.

Essas marcas são resultados de sessões de ventosaterapia, um tipo de terapia da medicina tradicional chinesa (MTC), que surgiu há pelo menos 2 mil anos e que é responsável por proporcionar uma série de benefícios que acabam por melhorar o rendimento.

É um tratamento de estética corporal e facial, natural que utiliza ventosas para melhorar a circulação sanguínea em algum local específico do corpo. É uma alternativa minimamente invasiva, indicada em casos de alinhamento da energia, sendo capaz de desintoxicar o organismo, reduzir incômodos e dores, e efeitos do estresse.

A técnica geralmente é feita por um fisioterapeuta, acupunturista ou por um profissional formado em Medicina Tradicional Chinesa. Contudo, qualquer profissional de saúde com a capacitação necessária pode realizar a técnica.

como funciona a ventosaterapia

Como funciona a ventosaterapia?

A técnica é feita por meio da colocação de ventosas, 1 ou mais, em pontos de acupuntura escolhidos pelo profissional capacitado. Primeiramente, o profissional que irá realizar a passagem de óleo ou creme hidratante na região a ser tratada, fazendo com que as ventosas sejam capazes de deslizar sobre a pele.

Após posicionados, os copos fazem com que a pele produza hiperemia ou hemostasia, fazendo com que ela tenha um efeito terapêutico.

Os copos utilizados na técnica podem ser feitos em diferentes tipos de materiais, como plástico, vidro, bambu ou cerâmica. Em meio ao tratamento, o ar localizado dentro das ventosas é rarefeito de início. Dessa forma, se cria um vácuo parcial no local, que pode ser conquistado por vários recursos, como aparelhos de vácuo ou de calor.

O efeito resultante da técnica é hiperemia local ou homeostase, sendo um tratamento para uma doença específica.

É pela pressão negativa e a sucção proporcionada pelas ventosas que se é possível estimular o fluxo sanguíneo, afrouxar músculos e anestesiar o sistema nervoso, e assim proporcionar uma série de outras vantagens.

Conheça quais são os tipos de ventosa mais comuns

Copo de vidro: aqui o profissional irá acender uma vela e colocar a chama dentro do copo, o sobrepondo em seguida sobre a pele. O vácuo formado com o oxigênio de dentro do copo é consumido pela pele, fazendo com que ao ser aplicado rapidamente sobre a pele acabe a sugando.

Copo de silicone: nesse contexto, é necessário realizar a pressão no copo de silicone com os dedos e depois colocar na pele. A pele é sugada por conta do vácuo gerado, fazendo com que a ventosa fique presa.

Ventosa eletrônica: diante a esse tipo de abordagem, as ventosas são colocadas no local o qual se deseja efetuar o tratamento, e logo após, o aparelho é ligado na força do vácuo a ser utilizado. De forma gradual, a pele é absorvida pela ventosa, que se estabiliza. Mesmo sendo a menos comum entre as citadas, também é muito eficiente.

Ventosaterapia junto a acupuntura

Considerando que a ventosaterapia pertence a acupuntura, a técnica pode estar associada a ventosaterapia por aplicações de sangria, por exemplo.

Nesse caso, a técnica é invasiva e a sangria associada a ventosa após a retirada de sangue do corpo.

Contudo, por esse motivo, sua indicação é bem restritiva, só podendo ser indicada em pessoas que possuam um fluxo normal de sangue (na ausência de problemas de coagulação).

A técnica utilizada na sangria é baseada em agulhamentos, lembrando a pratica de microagulhamento, que perfuram vasos sanguíneos, e é por meio dessa perfuração que o sangue é extraído do corpo.

Entre os locais indicados para a ventosaterapia com sangria estão face, costas, braços, pernas e cabeça. Os benefícios da técnica incluem o estímulo da circulação do sangue e o restabelecimento de canais energéticos,

Aqui são trabalhados os canais energéticos da da bioenergia (Tchi) e canais do sangue (Xue), fazendo com que seja eliminado o processo de estagnação do corpo, acalmando o fígado. Por fim, essa abordagem não é muito adotada nas clínicas de estética, devido ao manuseio com sangue e os cuidados necessários.

Benefícios da ventosaterapia?

A ventosaterapia, como já dito, possui várias indicações, graças aos seus vários benefícios que podem ser propostos.

Entre eles as principais indicações da técnica estão:

  • Dores musculares;
  • Dores abdominais;
  • Dor nas articulações;
  • Dores na coluna lombar (lombalgias);
  • Problemas digestivos;
  • Dores de cabeça (cefaleia);
  • Hipertensão arterial;
  • Aumento da circulação sanguínea local;
  • Fortalecimento dos vasos sanguíneos;
  • Suavização e redução de celulites;
  • Relaxamento corporal;
  • Aumento da produção de líquido sinovial nas articulações;
  • Hipertensão arterial;
  • Eliminação de contraturas musculares;
  • Alívio da fadiga e tensões musculares;
  • Desintoxicação do organismo;
  • Diminuição de inchaço nos braços;
  • Estimular os pontos da acupuntura;
  • Regulamentar o PH.

O efeito final desse procedimento é a promoção de bem-estar e relaxamento. O tratamento com ventosas pode ser feito nas costas, braços, pernas ou pés.

Quanto tempo dura a sessão?

O tempo de duração da sessão de ventosaterapia é bastante variável, dependendo das áreas que irão receber o tratamento. O tempo de cada sessão varia de 5 a 15 minutos, podendo ela ser feita isoladamente, ou até mesmo 1 vez por semana por 8 semanas consecutivas.

Uma vez que a colocação utiliza muita pressão ou se deixa o copo muito tempo sobre o local, há o aparecimento de bolhas de sangue no local, fazendo com que o tratamento seja interrompido de forma imediata.

Quais são as contraindicações da ventosaterapia?

Assim como qualquer procedimento, a ventosaterapia também pode ser contraindicada em alguns casos.

Veja quais são as suas contraindicações:

  • Febre;
  • Feridas;
  • Varizes;
  • Fratura e infecções na área do tratamento;
  • Trombose;
  • Tromboflebite;
  • Distúrbios hemorrágicos;
  • Gravidez – principalmente sem supervisão médica;
  • Distúrbios hemorrágicos;
  • Hemofilia;
  • Febre;
  • Convulsões.

Ainda sobre as contraindicações, existem algumas que não são absolutas, são elas: pessoas com pressão alta fora de controle, depois de praticar exercícios físicos, aplicação em áreas que não possuam uma boa camada muscular com estruturas ósseas mais elevadas.

Quais são os possíveis efeitos colaterais do procedimento?

Quanto aos efeitos da técnica, vale considerar que a realização da ventosaterapia pode acabar por favorecer a flacidez, não devendo ser feita de forma exclusiva para a eliminação dos nódulos, e sim dentro de um protocolo que englobe o uso de cremes reafirmantes e aparelhos de radiofrequência.

Caso feita em meio ao período menstrual, logo depois do tratamento, a menstruação pode acabar ficando mais intensa do que a comum, fazendo com que se possa surgir marcas arroxeadas nos locais que receberam as ventosas, além de que pode-se perceber a colocação mais escura da urina.

Uma vez que utilizada uma grande quantidade de vácuo, pode-se sentir dor e desconforto por cerca de 5 dias. Nesse caso, a indicação é que o profissional não deixe de passar o óleo e não deixe a ventosa muito tempo em um só lugar, ou diminua a sua pressão.

Nos primeiros minutos de aplicação da ventosa, pode-se observar alguns sintomas como a vermelhidão e cor arroxeada que surgem.

Para a promoção de alívio dos sintomas, entre os cuidados que podem ser tomados, como tomar banho morno e massagear a região a ser tratada com óleo de rosa mosquetá.

ventosaterapia preço

Ventosaterapia preço, quanto custa?

O valor do procedimento de ventosaterapia tende a ser bem variado, podendo variar quanto a área a ser tratada e as sessões a serem realizadas.

Em médio, uma sessão de ventosaterapia pode custar de R$30,00 (trinta reais) a R$80,00 (oitenta reais).

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *