peeling químico antes e depois

Peeling químico antes e depois: conheça as vantagens

Você sabe quais são os benefícios do peeling químico antes e depois?

O peeling químico é um dos procedimentos de estética facial e corporal mais indicados para pessoas que desejam renovar a pele e deixá-la mais bonita e de aparência saudável.

Conheça aqui sobre o procedimento, quais são as suas indicações, benefícios, cuidados antes e depois, contraindicações e quanto custa?

O que é peeling químico?

O termo peeling vem do verbo “descascar” ou “descamar” em inglês e é justamente o efeito que esse procedimento estético proporciona. Esse efeito é graças à renovação celular proposta, que por si só, acaba trazendo uma série de benefícios para a saúde.

Existem vários tipos de peeling, podendo ele ser físico ou químico. Enquanto o peeling físico promove a descamação da pele pelo atrito por microesfoliação, o peeling químico, por sua vez, utiliza substâncias químicas para promover a remoção da camada mais superficial da pele.

Ambos os tipos de peeling são capazes de trazer vantagens, contudo, antes de tudo é necessário ter a aprovação de um dermatologista

O peeling químico deve ser feito por um dermatologista ou cirurgião plástico.

peeling químico

Como é feito peeling químico?

Para a realização do peeling químico é feita a aplicação de ácidos selecionados sobre a pele, capazes de remover as camadas comprometidas por manchas e efeitos do envelhecimento.

Dependendo da gravidade do problema e qual a necessidade da correção, o peeling químico pode assumir diferentes profundidades.

Peeling químico superficial

Irá atuar na camada mais superficial da pele, proporcionando uma descamação mais fina. É o procedimento indicado para pessoas que sofram de rugas superficiais, tais como linhas de expressão, pequenas manchas, com acne e pele ressecada.

A descamação possibilitada por peeling químico atua somente na camada córnea, estimulando a formação do colágeno na pele. Por ter efeito apenas na primeira camada, normalmente a descamação é imperceptível.

Enfim, há a melhora da aparência da pele e de seu aspecto, e além disso, deixa a pele mais hidratada. Feita na frequência correta, o procedimento pode ajudar a “secar” espinhas, na melhora de rugas mais superficiais, no clareamento das manchas, e atuar potencializando os benefícios de produtos dermatológicos.

Peeling químico médio

O peeling químico médio já busca uma profundidade um pouco maior, isso sendo possível por meio de tratamentos com ácido glicólico e ácido tricloroacético em maior concentração. É a indicação para o tratamento de acne, rugas e cicatrizes mais profundas.

Por meio da esfoliação e destruição da epiderme, é possível suavizar manchas mais superficiais, rugas finas e médias, equalizar tons desiguais da pele, além de ser possível o estímulo da formação do colágeno.

Por meio dessa técnica, o profissional tem o objetivo de rejuvenescer de 1 a 5 anos da pele, o que vai depender do preparo do profissional e das particularidades da pele.

Peeling químico profundo

Já pelo peeling químico profundo é a versão mais agressiva, sendo a indicação para regiões de maior comprometimento estético, como manchas causadas pelo sol e cicatrizes profundas.

Aqui, para um melhor efeito, é utilizado o ácido fenol, fazendo que seja um peeling mais complexo e de melhores resultados. Dessa forma, o resultado proposto busca um rejuvenescimento de 5 a 10 anos.

Por corromper ainda mais a pele, é necessário que os cuidados do antes e depois sejam levados ainda mais a sério.

Peeling químico antes e depois

Peeling químico antes e depois, quais são os cuidados?

Levando em conta que o peeling químico acaba por danificar a pele para ter os seus resultados, é muito importante que antes de tudo, o paciente recorra a avaliação de um dermatologista, que vai analisar se a pele do paciente pode receber os ativos do tratamento. 

É também por essa análise que o profissional irá selecionar qual procedimento é a melhor opção e quais serão os cuidados necessários.

Por entre 15 a 30 dias antes da sessão, o indicado é que sejam usados ácidos mais suaves, para que a pele seja preparada para o peeling. Também podem ser indicados cremes com ácido glicólico, retinóico e hidroquinona em sua composição.

Depois da sessão, considerando que a pele fica sensível por um tempo, a proteção quanto os raios solares é essencial para que a pele não passe por ainda mais danos. Dessa forma, é necessário que haja a reaplicação de um filtro solar de no mínimo 50 FPS a cada três horas.

Lava a pele com sabonete neutro pode evitar casos de irritação, e o uso de água termal para evitar ardência e vermelhidão. O uso de cremes hidratantes também está entre as orientações, mantendo a pele saudável e evitar o aparecimento de manchas e demais danos.

Vale considerar ainda o tempo que a pele leva para regenerar, o que normalmente leva até 5 dias em peelings superficiais e de 30 a 45 dias em peelings profundos. 

Em casos de complicações, o indicado é recorrer ao profissional responsável pelo tratamento para que possam ser feitas abordagens, como o uso de creme com corticoides.

Peeling químico antes e depois, quais são os benefícios?

Como visto, o peeling químico é de grande ajuda para a melhora da qualidade da pele. 

O peeling é capaz de remover a camada desgastada e pela renovação celular, promovendo o nascimento de uma nova. É por meio da renovação das células que é possível perceber as demais vantagens, são elas:

  • Amenização de rugas e linhas de expressão;
  • Suavização de cicatrizes de acne e de acidentes;
  • Redução das manchas de idade ou causadas pelo sol (melasma);
  • Amenização de cicatrizes de acne ou traumas;
  • Estímulos da produção de colágeno e elastina;
  • Controle da oleosidade e dos poros dilatados;
  • Prevenção de cravos e espinhas;
  • Clareamento de manchas e olheiras;
  • Tratamento da flacidez da pele.

Os benefícios do peeling químico podem ser percebidos não só no rosto, mas também nas costas, dorso das mãos, glúteos e posterior de coxas.

Quantas sessões são necessárias?

Para que se tenha acesso aos benefícios do peeling químico, é necessário normalmente serem indicadas cerca de 3 sessões, o que irá variar de acordo com a observação do dentista.

Cada sessão do procedimento tende a durar cerca de 20 minutos e cabe ao profissional determinar qual será o intervalo entre elas.

Os resultados do peeling químico tendem a ser rápidos e capazes de proporcionar resultados perceptíveis em cerca de 15 dias da aplicação.

Contraindicações

Assim como demais procedimentos estéticos, o peeling químico possui as suas contraindicações, são elas:

  • Gestantes;
  • Infecções locais;
  • Inflamações na pele;
  • Pacientes com imunodeficiência;
  • Pessoas com Herpes;
  • Foliculite;
  • Alterações cutâneas;
  • Dermatite;
  • Alergias a alguns componentes do ácido.

peeling quimico antes e depois

Peeling químico antes e depois, qual o valor?

O preço do peeling, assim como em demais tratamentos estéticos, é variável, isso considerando o seu tipo, profissional responsável e clínica escolhida.

Aqui na Hamonir, você pode se beneficiar de um peeling químico por um preço acessível e que cabe no seu bolso, sendo em 12x de R$12,50 sem juros no Cartão.

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *