peeling de diamante antes e depois

Peeling de diamante antes e depois: conheça os benefícios

Peeling de diamante antes e depois | O peeling é um dos procedimento de estética facial e corporal indicado por tornar a pele mais uniforme, atuando no tratamento de anomalias e efeitos do envelhecimento.

Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre o peeling de diamante, como funciona, quais são os seus benefícios, cuidados, contraindicações e preço:

O que é peeling de diamante?

O peeling é um tratamento de pele que promove a renovação de suas células. Do inglês “to peel”, que significa descamar ou descascar, a técnica tem como principal objetivo a suavização e o tratamento de manchas, rugas e linhas de expressão.

Dessa forma, é um dos principais procedimentos para devolver harmonia e deixar a pele mais jovem.

Para que haja a percepção de seus benefícios, o peeling pode ser físico ou químico. O peeling de diamante, por sua vez, é um físico.

Também conhecido como microdermoabrasão, o peeling de diamante é um procedimento que faz uma esfoliação mais profunda na pele, fazendo a remoção de células mortas e estimulando a produção de colágeno e elastina.

Mesmo sendo mais indicado em tratamentos faciais, o peeling de diamante pode ser feito em qualquer local do corpo buscando os mesmos benefícios, sem restrição quanto ao tipo de pele.

É uma técnica não invasiva e indolor, sendo possível notar alterações no aspecto e brilho da pele logo na primeira aplicação. A técnica pode ser feita por um dermatologista, médico, fisioterapeuta, esteticista, em clínicas de estética, a cada 30 dias.

Além do rosto, o tratamento também é frequentemente feito na região do colo, mãos e regiões marcadas por estrias.

peeling de diamante

Como funciona o peeling de diamante?

O peeling de diamante, como dito, é feito por meio de uma esfoliação suave da pele, isso por meio de uma caneta com uma lixa diamantada na ponta.

É esse aparelho específico que fará a esfoliação profunda da pele, removendo as células mortas e o excesso de oleosidade de sua camada superficial.

A caneta conta com uma ponteira com cristais de diamante, que realizam movimentos suaves sobre a pele.

Por meio da retirada das impurezas da primeira camada, se facilita a penetração de ativos presentes em substâncias benéficas, como vitamina C, séruns e cremes.

Em meio ao procedimento, também se utiliza produtos cosméticos que irão promover e potencializar os benefícios da técnica, atuando clareando, uniformizando, viçosa, brilhosa e controlando a oleosidade da pele.

Peeling de diamante antes e depois, quais os benefícios?

A microesfoliação promovida pela caneta é capaz de proporcionar uma série de benefícios a pele, são eles:

  • Remoção de células mortas;
  • Rejuvenescimento da pele;
  • Redução dos poros dilatados;
  • Melhora do tônus facial;
  • Pele hidratada;
  • Aumento do viço;
  • Clareamento de manchas;
  • Estímulo da produção de colágeno e elastina;
  • Redução dos poros dilatados;
  • Suavização de rugas e linhas de expressão;
  • Amenização de estrias;
  • Redução da oleosidade da pele – principalmente de peles acneicas;
  • Redução de acnes;
  • Remoção de manchas superficiais;
  • Tratamento de Melanoses;
  • Amenização e tratamento de cicatrizes de acne;
  • Tratamento de estrias.

É por meio desses benefícios que é possível perceber uma melhora significativa da aparência e do aspecto da pele, melhorando a autoestima e qualidade de vida.

Indicações e contraindicações

O peeling de diamante é indicado para pessoas que estão insatisfeitas com a condição de sua pele. O procedimento pode ser feito em qualquer época do ano, já que se trata de um peeling mais superficial. Contudo, a indicação é que seja feito quando as temperaturas estejam mais amenas, como no outono ou inverno.

Por ser um procedimento seguro e eficiente, pode ser feito isoladamente ou acompanhando outro tipo de procedimento. Normalmente, o peeling substitui a esfoliação manual com produtos cosméticos em meio a limpeza de pele profunda, sendo a recomendação.

Contudo, assim como demais procedimentos estéticos, o peeling possui as suas contraindicações, entre elas estão:

  • Peles sensíveis;
  • Inflamação na pele;
  • Acne de graus II, III ou IV;
  • Rosácea;
  • Diabetes;
  • Herpes;
  • Alterações na pele – tal como verrugas ou quelóides.

Vale ressaltar que em casos de anomalias na pele a realização da técnica é contraindicada já que pode agravar ainda mais a situação e trazer complicações que podem comprometer ainda mais a estética e o bem-estar.

antes e depois peeling de diamante

Peeling de diamante antes e depois, quais os cuidados necessários?

Antes de tudo, o procedimento deve ser viabilizado por um dermatologista após uma avaliação da pele.

Na preparação, é necessário que o paciente suspenda o uso de ácidos no local por cerca de 24 a 48 horas antes do procedimento, uma vez que os componentes acabam por fazer com que a pele fique sensível e impossibilitada de se submeter ao procedimento. Outros produtos também podem ser suspensos pelo profissional responsável.

Depois de se submeter ao procedimento, o paciente também deverá ter o cuidado de hidratar a pele durante uma semana, usando os cremes recomendados pelo médico. Uma vez que os hidratantes irão colaborar ainda mais para a regeneração da pele.

O uso de água termal também é bem-vindo, acalmando a pele depois do procedimento que pode ser um pouco agressivo. Quanto ao uso de ácidos só deve retornar depois de 7 dias, considerando que após o procedimento a pele estará sensível.

O rosto deve ser lavado apenas com um sabonete neutro por uma semana após a sessão.

A proteção do rosto com um filtro solar de FPS mínimo de 50 é essencial para com a ação de radiação UVA e UVB e fatores externos. O protetor solar deve ser reaplicado de 4 em 4 horas. Evitar a exposição do sol também é importante para que a pele não acabe se manchando.

É normal que a pele se descame em contato com os raios solares, mas uma descamação leve pode persistir por alguns dias após a sessão.

Considerando os efeitos após a sessão, é normal que a pele assuma uma coloração mais avermelhada, contudo, em procedimentos mais profundos, pode-se haver sangramento em certos pontos.

Quanto tempo dura um peeling de diamante?

Uma sessão de peeling de diamante demora cerca de 15 a 30 minutos.

Quanto à quantidade de sessões necessárias, são indicadas de 2 a 5 sessões para um resultado satisfatório, podendo o tratamento requer mais sessões.

Para pacientes que buscam uma pele renovada e que não sofram de muitos problemas, 3 sessões já são o suficiente. Quanto a casos que envolvam estrias, cicatrizes de acne e poros muito abertos, o dermatologista pode recomendar cerca de 5 sessões para proporcionar um bom resultado.

Vale ressaltar que se deve estabelecer um intervalo de 30 dias entre cada sessão.

Quanto custa o peeling de diamante?

O preço do peeling de diamante varia de acordo com o número de sessões realizadas, além dos cosméticos ou demais técnicas associadas.

Aqui na Hamonir, você pode se beneficiar de uma sessão de peeling por um preço acessível e que cabe no seu bolso, sendo:

Peeling de Diamante + máscara de ouro: em 12x de R$12,50 sem juros no Cartão

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *