fios de pdo

Fio de PDO: o que é, seus benefícios e quanto tempo dura

O fio de PDO é um dos principais tipos de procedimentos de estética facial, sendo capaz de trazer uma série de benefícios ao rosto.

Conheça aqui como é feita a colocação dos fios de PDO, quais são as suas principais vantagens, cuidados antes e depois, e quanto custa:

Fio de PDO, o que é?

O fio de PDO se trata de um filamento aplicado no tecido subcutâneo da pele que ajudam em sua sustentação e estimulam a produção de colágeno. São um dos tipos de fios de sustentação existentes, sendo capazes de ser absorvidos pelo organismo com o tempo.

Por serem fios absorvíveis, após a perda de seus benefícios, o paciente pode se submeter novamente a sua colocação.

Contudo, os fios de PDO também se segmentam quanto a características de aplicação, podendo ser lisos, parafusos e espiculados (com garra). Cada modelo de fios de PDO será utilizado dependendo da necessidade do paciente e do local da colocação, cabendo ao profissional responsável indicar a melhor opção.

Entre os especialistas que podem realizar o procedimento estão biomédicos estetas, farmacêuticos, cirurgiões dentistas e médicos.

fio de pdo

Como é feita a aplicação de fio de PDO na face?

Antes da sessão, primeiramente o paciente irá ser submetido a uma avaliação da região para que o profissional analise se há indicações e se há ou não contraindicações ao procedimento.

Também é por meio de uma avaliação prévia, que se é possível que haja o alinhamento de expectativas quanto ao procedimento.

Caso o paciente tenha indicações e que a realização do procedimento não seja capaz de trazer riscos à saúde, o paciente pode receber os filamentos de PDO.

Como nos tradicionais fios de sustentação no rosto, o procedimento se inicia com a delimitação da área que irá receber os fios, fazendo um mapeamento do rosto, que é diferente para cada pessoa.

Após feita a marcação do local, é aplicada uma anestesia local, em que há a inserção de agulha ou o uso de pomadas com esse fim sobre a região.

Com a área anestesiada, evita-se que o paciente sinta dores ou incômodos durante o processo e o profissional faz a inserção das agulhas ou microcânulas que guiam os fios embaixo da pele.

Após a colocação dos fios, há a tensão da pele, que é erguida, proporcionando um efeito lifting imediato.

Para que haja o estímulo do colágeno, o especialista utiliza uma estratégia em que os fios são colocados em diferentes regiões, traçadas anteriormente em formato de uma rede.

Caso os fios utilizados forem de tração, são colocados curativos por 48 horas, o que não é necessário em caso de fios lisos.

Com o tempo os fios serão dissolvidos pelo organismo e substituídos por colágeno, evidenciando assim os benefícios. A absorção dos fios costuma se prolongar de 6 a 8 meses, mas vale considerar que a fibrose gerada no local da aplicação é mantida, prolongando o resultado.

Para melhores resultados, os fios de PDO podem ser repostos de 2 em 2 anos.

Normalmente, para que haja o efeito almejado pelos filamentos, são utilizados de 4 a 8 fios espiculados, sendo de 10 para mais em caso de fios lisos.

Assim como o tipo de fio escolhido, a quantidade utilizada irá depender do grau de flacidez da área e da observação do profissional.

Quais são as indicações da técnica? Quais os benefícios percebidos?

O procedimento de aplicação dos fios de PDO é seguro e pode ser indicado por uma série de fatores que impactam a aparência e a textura da pele, principalmente os sinais de envelhecimento devido a perda de colágeno.

Dessa forma, o procedimento é indicado para qualquer pessoa que deseje melhorar a aparência pelos benefícios da tração e da produção do colágeno, buscando tratar sinais como bochechas caídas, rugas, linhas de expressão e sulcos faciais.

Os fios de sustentação de PDO, justamente por serem considerados bioestimuladores de colágeno, são responsáveis pelo atraso do envelhecimento, e assim também atuam na prevenção da flacidez, caimento da pele e do aparecimento de rugas.

Comumente, o procedimento é buscado por homens e mulheres acima dos 30 anos, contudo, pessoas acima de 18 anos podem se submeter a técnica em casos de necessidade de reposição tecidual para que haja a harmonia do rosto.

O procedimento é bem tranquilo, fazendo com que não seja necessário repouso após a sessão, necessitando que apenas alguns cuidados sejam tomados.

Além disso, uma vez que são feitos mínimos furos na pele, de rápida cicatrização, não há a presença de cicatrizes.

Onde os fios de PDO podem ser aplicados?

A aplicação dos fios de PDO pode ser feita em várias regiões da face, sendo nas regiões que mais incomodam o paciente, seja pela flacidez ou sinais de desarmonia e falta de contorno. A inserção pode ser feita tanto para tratamento, quanto para fins preventivos.

Entre as possíveis áreas de aplicação estão:

  • Sobre sulcos faciais – como “linha de marionete”, “bigode chinês” e “bochechas de buldogue”;
  • Entre as sobrancelhas (glabela);
  • Ao redor dos olhos – amenização dos “pés de galinha”;
  • Contornos do rosto – para a redefinição do malar, mandíbula, etc;
  • Em cima dos lábios – redução dos “códigos de barras”;
  • Pescoço – amenizar a flacidez;
  • Papada – para o tratamento do tecido adiposo.

Além da aplicação facial, os fios de PDO também podem ser colocados em outras partes do corpo, como a região interna das coxas e abdômen.

Outros objetivos também podem estar associados ao método, como o processo de rinomodelação para erguer o nariz e de Fox Eyes, que busca fazer o levantamento do olhar e arqueamento da sobrancelha.

Muitas pessoas ficam em dúvida se optam por uma sessão de Sculptra ou pela aplicação dos fios, já que ambas atuam como bioestimuladoras de colágeno. Contudo, o Sculptra tem como principal objetivo a restauração do volume facial, se assemelhando a um preenchimento com sua técnica com injeções de ácido poli-L-láctico (PLLA).

Tipos de fios de PDO

Tipos de fios de PDO

Como já dito, dentro dos fios de PDO existem diferenças. Veja quais são os seus principais tipos:

Fios de sustentação de lisos: Os filamentos de lisos possuem um grande potencial para a produção de colágeno no local, melhorando assim a qualidade da pele e reduzindo o aparecimento de hematomas.

São muito indicados em áreas de pele fina, como na glabela, pálpebras, periorbital (ao redor dos olhos) ou região do peitoral.

Fios de sustentação de espiculados: São os tipos de filamentos que possuem garras em sua extensão, permitindo uma melhor fixação no tecido subcutâneo. Esse fator também colabora para com o efeito de levantamento da pele (efeito lifting).

Normalmente, essa técnica é indicada em casos em que haja a estruturação facial com ácido hialurônico (preenchimento facial).

Fios de sustentação Parafusos: Se assemelham bastante aos lisos quanto aos casos indicados, atuando como um leve preenchedor.

Quais são os cuidados após o procedimento?

Assim como em outros tipos de procedimentos, após a colocação dos fios de PDO o paciente considerar alguns cuidados e orientações dadas pelo profissional que fez o procedimento:

  • Evitar exposição ao sol e ao calor excessivo;
  • Usar protetor solar;
  • Evitar manusear ou esfregar o rosto;
  • Evitar a prática de exercícios físicos;
  • Não dormir de bruços – em cima do rosto;
  • Fazer a aplicação de compressas de gelo nas primeiras 24 a 48 horas após o procedimento;
  • Evitar ginástica facial e outros tipos de procedimentos na pele por 48 horas;
  • Não passar produtos na pele sem o consentimento médico.

Aqui o paciente deve considerar os possíveis sintomas após a sessão, como um leve inchaço e vermelhidão (ou arroxeamento) no local, podendo o especialista indicar medidas além do uso de compressas de gelo para que haja a promoção de alívio e a amenização dos sinais percebidos.

Em caso de aplicação do fio de PDO associado a outro tipo de procedimento, também cabe ao profissional que fez o procedimento de encaminhar o paciente as medidas necessárias.

Problemas com os fios de pdo

Assim como ocorre em outros procedimentos, após a sessão de colocação do fio de PDO, caso a aplicação seja feita em condições erradas, pode haver o aparecimento de algumas complicações como:

  • Formação de edema (inchaço);
  • Infecções;
  • Hematomas;
  • Eritema (manchas vermelhas na pele);
  • Incômodo e desconforto;
  • Dores no local;
  • Migração do fio;
  • Ondulações na pele;
  • Ruptura;
  • Formação do tecido cicatricial;
  • Extrusão total.

quanto custa o fio de pdo

Quanto custa o procedimento de fio de PDO?

O preço do fio de PDO é bastante variável, alternando quanto o local da aplicação, do tipo de filamento, profissional e clínica escolhida.

Aqui na Hamonir, você pode se beneficiar com a colocação dos fios de PDO por um preço acessível e que cabe no seu bolso.

Fios de sustentação – Ângulo da Mandíbula: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Bigode Chinês: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de Sustentação – com Garra: Em 12x de R$23,33 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Glabela: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Jowls: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Linha da Marionete: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de Sustentação – Liso: Em 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Malar: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Nariz (Tração): Em 12x de R$31,67 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Olheira (Liso): Em 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Parafuso: Em 12x de R$17,50 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Pés de Galinha: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão;

Fios de sustentação – Testa: A partir de 12x de R$15,83 sem juros no Cartão.

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

2 Responses

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *