Criolipólise

Criolipólise: o que é, qual o preço, funciona?

Criolipólise é um tratamento de estética corporal que ganhou destaque nos últimos anos. Isso porque um dos principais objetivos dele é o de eliminar gorduras indesejadas.

No entanto, a criolipólise ainda é um procedimento muito recente, o que faz que da mesma forma seja conhecido, muitas pessoas nunca ouviram falar dele.

Dessa forma, aqui estarão reunidas todas as informações a respeito da criolipólise, para garantir que você entenda este procedimento e venha fazê-lo sem nenhum tipo de medo ou dúvida.

O que é criolipólise?

Consiste no uso de temperaturas mais baixas, que tem o foco em eliminar a gordura localizada. Sendo assim, um aparelho é colocado na superfície da pele, de modo que ele faz com que as células de gordura sejam congeladas, e partir disso, serem destruídas.

Isso acontece porque as células de gordura, também chamadas de adipócitos, quando em contato com baixa temperatura, se rompem. Com isso, o corpo entende que elas não são mais parte daquele organismo, e as elimina da pele de forma natural.

criolipólise funciona

Como funciona a criolipólise?

É utilizada um aparelho específico, em que ele utiliza aplicadores que são acoplados em diferentes áreas do corpo, por meio de um vaco – similar ao Pump Up de bumbum, em que o vácuo promove a sucção da pele e parte da gordura localizada.

Juntamente disso, acontece o resfriamento intenso e controlado da gordura, responsável por destruir as células de gordura. Quando usado dessa forma, o resfriamento de forma seletiva irá danificar as células adiposas, que são mais sensíveis ao frio.

Nesse processo, nervos, músculos, e outras estruturas não são prejudicadas durante o procedimento. Além desses cuidados, o aparelho da criolipólise é adaptado para cada área do corpo.

Por fim, a eliminação da gordura ocorre em decorrência do sistema imune, que faz com que a gordura no interior das células seja conduzida até o fígado por meio do sistema linfático para seja feita a sua metabolização.

Logo, o sistema linfático levará apenas uma pequena parte diária dessa gordura para ser metabolizada, mas não há perigo de que o fígado se sobrecarregue nesse processo.

Criolipólise contraindicações

Pessoas com excesso de peso, obesidade, hérnia no local onde é colocado o aparelho e que tenham problemas em relação ao frio, por exemplo, a crioglobulinemia – doença relacionada ao frio.

Pessoas grávidas ou com alterações na pele, como a sensibilidade por causa de diabetes também devem evitar o procedimento.

Áreas de aplicação da criolipólise

O procedimento tem restrições de onde pode ser feito, por isso em algumas partes do corpo, não são possíveis de fazer a criolipólise. Partes como o rosto não possível receber o procedimento, isso porque aplicador não se encaixa.

É aconselhado que a pessoa que irá fazer o tratamento, ao optar por uma área maior, divida o tratamento em dois momentos na mesma sessão, de modo que toda área seja tratada.

Diante disso, as áreas onde a criolipólise podem ser aplicadas, são:

  • Abdômen;
  • Braços;
  • Parte superior e inferior das costas.

Apesar de novo, o procedimento está em constante transformação, de maneira que já se expande para outras áreas. Porém, para definir com precisão quais podem fazer uso do procedimento é necessária que haja uma avaliação com o devido profissional.

criolipólise antes e depois

Antes e depois da criolipólise

É comum que a pessoa que fez o procedimento fique curiosa e ansiosa pelos resultados, por isso, há quem faça o seu “antes e depois”, ou seja, compare como estava antes do procedimento ser feito.

Dessa forma, num período de 15 dias já fica evidente os efeitos da criolipólise. Pelo fato desses efeitos serem progressivos, até 8 semanas depois de feito ainda haverá mudanças, já que é o tempo que o organismo leva para eliminar a gordura congelada por completo.

Passado este perídio, a pessoa pode voltar a clínica para que uma avaliação para seja feita uma avaliação sobre a quantidade de gordura eliminada. Feito isso, o profissional responsável irá verificar se há necessidade de realizar uma outra sessão, caso seja necessário.

Por último, o intervalo mínimo entre as sessões de criolipólise são de 2 meses, já que cada sessão elimina em torno de 4 cm de gordura localizada, fator que interfere para que pessoas que não estão no peso ideal façam o procedimento.

Criolipólise dói?

Dentro dos procedimentos estéticos, a dor passa a ser algo relativo e que varia de pessoa para pessoa.

Sendo assim, é possível ter pacientes que irão sentir dor, bem como pacientes que não irão sentir.

A princípio, a criolipólise pode causar dor no momento em que o aparelho faz a sucção na pele, dando uma sensação como a de um beliscão forte, mas não se preocupe, essa sensação passa devido à anestesia que é aplicada na pele causada por causa da baixa temperatura.

Feito a aplicação, a pele normalmente fica avermelhada e inchada, por isso, alguns aconselham a fazer uma massagem no local para ajudar a aliviar o desconforto e melhorar a aparência.

É comum que região tratada fique dolorida durante as primeiras horas, mas isto não gera grandes desconfortos.

Há riscos na criolipólise?

Como em qualquer outro procedimento estético, a criolipólise também tem seus riscos, principalmente quando há problemas no aparelho, como estar desregulado ou utilizado de forma inadequada.

Apesar de ser raro esse acontecimento, caso acontece, a complicação da criolipólise pode ser facilmente contornada.

Criolipólise cuidados após o procedimento

Em procedimentos estéticos, os cuidados pós-procedimento ajudam a melhorar os resultados, de maneira que eles sejam potencializados. Assim, temos os seguintes cuidados:

  • Ingerir líquidos e manter-se hidratado ajuda a criolipólise a eliminar a gordura, isso porque o corpo irá eliminá-la pela urina;
  • Evite o uso de medicamentos anti-inflamatórios. Isso porque, o medicamento interfere no processo de inflamação, que é importante para a eliminação da gordura. Porém se for preciso o profissional responsável irá indicar o remédio certo para ser usado;
  • Pratique exercícios e atividades físicas, que, além de todos os benefícios que já proporciona ao corpo, melhora a circulação sanguínea no local onde é tratado e a metaboliza a gordura.

É importante lembrar que após a sessão ser feita não há impedimentos que impeça a pessoa de retomar a rotina de exercícios.

Criolipólise valor

O preço do procedimento de criolipólise é bastante variável, tendendo a alternar quanto o profissional responsável e a clínica escolhida.

Em média, a técnica da criolipólise custa de R$ 800 (oitocentos reais) a R$ 2.000 (dois mil reais).

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *