Retratação de conceito de antes e depois de manchas no rosto

Como tirar manchas do rosto? Confira as 5 principais formas!

Ouça este artigo
avaliação gratuita

As manchas do rosto são comuns e podem prejudicar a aparência e comprometer a autoestima.

Existem diversos tipos e várias causas que podem estar por trás das alterações de coloração da pele e cicatrizes.

Conheça aqui essas circunstâncias e saiba quais as principais formas de reverter o problema e ter uma pele uniforme e lisinha:

Manchas no rosto, o que são?

As manchas no rosto são alterações na pele que aparecem por conta de anormalidades de pigmentação, que podem aparecer por diferentes motivos, podendo ser decorrente de fatores genéticos, alterações hormonais e hábitos de vida.

Entre demais causas das manchas que também podem-se destacar estão a exposição excessiva de luz do sol (ou pela exposição feita sem o uso do protetor solar), alergias, dermatites e acnes.

Quanto aos principais tipos de manchas e suas principais características pode-se citar:

Manchas de acne: são as mais comuns e aparecem após a perfuração da espinha, indo além das cicatrizes de acne. Assumem coloração avermelhada ou amarronzada, por conta do processo inflamatório da pele.

Ceratose seborreica: é um tumor benigno caracterizado por lesões ásperas, escuras ou esbranquiçadas que podem acometer não só a pele do rosto, mas também dos membros, tórax e couro cabeludo.

avaliação gratuita

Melanoses: também conhecidas como manchas senis, e assumem uma aparência de coloração escura e arredondada, aparecendo com o avançar da idade por conta da exposição excessiva ao sol.

Melasma: o melasma é muito comum em mulheres maduras, podendo aparecer em decorrência da exposição excessiva ao sol, devido ao tratamento com pílula anticoncepcional e em meio ao período gestacional. Tende a afetar predominantemente o rosto, buço e testa.

Hipocromia: são manchas esbranquiçadas que aparecem devido a diminuição da produção de melanina. Entre os exemplos dessas manchas pode-se ressaltar a pitiríase versicolor (pano branco), micose superficial recorrente e não contagiosa e nevos (manchas, pintas e sinais).

Hipercromia: essas manchas escuras aparecem por conta da produção excessiva de melanina. Essas alterações tendem a ser comuns em peles mais claras.

Acromias: por sua vez, são manchinhas brancas que aparecem pela ausência de melanina, seja pelo albinismo (desordem genética que compromete a produção da melanina), e vitiligo (dermatose que possui uma provável causa autoimune).

Mulher olhando no espelho após cuidados para remoção de manchas do rosto

Afinal, como tirar manchas do rosto?

O tratamento e a prevenção das manchas do rosto estão associados a cuidados rotineiros que devem ser passados pelo dermatologista.

Dessa forma, é muito importante que esses cuidados sejam adotados desde cedo, preservando uma pele saudável e bonita. Confira:

1. Uso de produtos próprios para a pele

É muito importante que os cuidados com a pele, principalmente do rosto, comecem com a visita a um especialista. É o dermatologista que fará a avaliação de sua pele e irá determinar qual tipo de pele e o tipo de produtos a serem utilizados que sanam todas as necessidades da cútis.

Dessa forma, o dermatologista poderá indicar cremes específicos e eficientes que irão tratar até mesmo aquelas manchas mais antigas e que incomodam já há muito tempo. Esses cremes prescritos podem possuir em sua composição ácido retinóico, ácido kójico e hidroquinona. Por conta disso, só podem ser usados com a prescrição e orientação médica.

Normalmente o indicado é que haja a aplicação do produto de 1 a 2 vezes ao dia, podendo o dermatologista indicar produtos para controlar a oleosidade do rosto em casos de prevalência de cravos e espinhas.

2. Rotina de skincare completa

Para manter a pele nas melhores condições possíveis é imprescindível que se preze pelo uso correto dos produtos necessários para os cuidados de sua pele. Dessa forma, o indicado é que a rotina de skincare seja feita de forma completa, compreendendo a limpeza, tonificação, esfoliação, hidratação e proteção do sol.

É muito importante que pessoas que possuam um maior nível de oleosidade do rosto se preocupem ainda com outros detalhes que envolvem os cuidados da pele, como evitar banhos quentes e uso de produtos antiacne e suave.

Considerando que a grande maioria das manchas possuem relação com a exposição exagerada e sem proteção ao sol, o uso diário do protetor solar, que irá proteger a pele dos prejuízos dos danos causados pelos raios UV. Para um melhor efeito, opte por um protetor solar com FPS 30 ou superior, e que proteja tanto dos raios UVA quanto UVB.

3. Não espremer espinhas

Se você é uma pessoa de pele mista ou oleosa, a dica máster para que não haja o aparecimento de manchas e cicatrizes pós acne é não “cutucar” as espinhas, deixando a espinha cicatrizar naturalmente.

Dessa forma, não se machuca a pele, fazendo com que o organismo lide com o processo inflamatório da forma correta amenizando as chances de se formar manchas e marcas.

4. Bons hábitos

Indo muito além dos cuidados tomados diretamente da pele, vale ter em mente que o organismo externa o que ele está passando. Logo, os bons hábitos de saúde geral são essenciais para que se externe apenas propriedades benéficas à pele.

Assim sendo, investir em uma alimentação saudável e equilibrada, contando com alimentos com boa quantidade de vitaminas, minerais e antioxidantes, além de uma boa ingestão de água (de ao menos 2 litros diários) e a prática regular de exercícios físicos (melhora a circulação sanguínea, a nutrição e oxigenação das células da pele)atua de forma extremamente benéfica na aparência e saúde da pele.

Ainda sobre a alimentação, para evitar o efeito contrário vale evitar o consumo de alimentos de alto nível glicêmico e de gordura, uma vez que podem acabar agravando o estado da pele.

5. Tratamentos dermatológicos

Para resultados mais imediatos e expressivos, o dermatologista poderá indicar alguns tratamentos específicos para renovar a aparência e melhorar a textura da pele. Esses procedimentos são capazes de amenizar as manchas e cicatrizes de acne, promovendo um certo rejuvenescimento.

Entre os principais tratamentos que podem ser feitos estão:

Microdermoabrasão: o dermatologista utiliza de aparelhos específicos para promover a esfoliação da pele, que atuam “lixando” a camada mais superficial, removendo a camada mais externa e tratando aquelas manchinhas mais superficiais.

Microagulhamento com dermaroller: o microagulhamento é um procedimento em que se utiliza de um rolo composto de agulhas (dermaroller), que ao ser passado na pele, atua estimulando a produção de colágeno e promovendo a renovação celular. As agulhas atingem a pele em uma profundidade de 0,3 até 1 milímetro, sendo a opção para o tratamento de manchas mais profundas.

Peeling químico: o peeling químico é um dos procedimentos queridinhos de quem quer renovar a pele. Isso já que o dermatologista realiza a aplicação de ácidos na pele, que agem por alguns segundos e promovem a descamação da camada mais externa da pele, e assim a eliminação de manchas e cicatrizes. Não é indicado em pessoas de acne ativa.

Tratamento com laser ou luz pulsada: por fim, o tratamento feito com laser ou luz pulsada possui atuação sobre os melanócitos, que são as células responsáveis por dar cor à pele, promovendo o tom uniforme.

Todos esses procedimentos devem ser realizados por um profissional capacitado e especializado, que fará a indicação do melhor e que trará melhores resultados para você.

Aqui na Hamonir, você tem acesso aos benefícios de seu procedimento estético dos sonhos por um preço acessível e que cabe no seu bolso.

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

avaliação gratuita

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *