botox preventivo

Botox preventivo: saiba quando e porque é indicado

Você sabe o que é botox preventivo?

O botox é um dos destaques no mundo da estética, levando em conta todos os seus benefícios. Contudo, o botox vai muito além do tratamento, também proporcionando seus benefícios de forma preventiva.

Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre o procedimento, o botox preventivo, como funciona, seus benefícios, cuidados, contraindicações e preço:

O que é botox?

É muito difícil alguém, a essa altura do campeonato, não saber o que é o botox. Isso porque esse procedimento estético se tornou muito popular pelo seu potencial no rejuvenescimento da pele.

Contudo, vale considerar que o termo “botox” não se remete ao procedimento, mas sim, a uma das principais marcas de toxina botulínica purificada injetadas na pele, principalmente no rosto.  

Além do Botox®, outras marcas conhecidas do produto são: BOTULIFT®, Dysport®, XEOMIN® e PROSIGNE®.

A toxina botulínica, por sua vez, é produzida pela bactéria Clostridium botulinum, sendo industrializada para adquirir os seus benefícios.

As aplicações de toxina botulínica são indicadas em uma série de contextos, considerando os vários benefícios que o produto é capaz de oferecer e a sua atuação no local.

Uma vez no organismo, a toxina botulínica atua na placa responsável pela transmissão do estímulo nervoso, por trás da contração muscular, dificultando a transmissão do estímulo e causando o relaxamento da musculatura.

A técnica é simples e rápida, sendo capaz de proporcionar resultados eficientes e duradouros.  

Esse procedimento pode ser feito por um biomédico ou médico (dermatologista) qualificado.

Para que serve o botox?

O botox possui uma série de indicações, podendo ser capaz de proporcionar uma série de benefícios para a aparência, contanto que seja feito por um profissional capacitado, seguindo as recomendações da Anvisa e o protocolo do procedimento.

As aplicações do botox tem como principal objetivo o tratamento e a amenização de rugas dinâmicas, causadas pela movimentação do músculo, e linhas de expressão, que são a fase inicial dessas rugas.

Entre as principais regiões para receber as injeções estão:

  • Linhas horizontais na testa e pescoço;
  • Entre as sobrancelhas (glabela);
  • Ao redor dos olhos (pés de galinha);
  • Ao redor dos lábios;
  • Ponta do nariz para a elevação discreta da ponta do nariz.

Vale ressaltar que os benefícios do botox vão além da estética, também possuindo indicações terapêuticas. Entre essas indicações estão:

  • Diminuição da sudorose – em caso de hiperidrose ou bromidrose;
  • Controle do blefaroespasmo – o fechar dos olhos de forma vigorosa e descontrolada;
  • Controle do bruxismo;
  • Correção de sorriso gengival;
  • Correção do estrabismo ocular;
  • Espasmos faciais – também chamado de tique nervoso;
  • Amenização da salivação excessiva;
  • Controle de doenças neurológicas – como microcefalia;
  • Relaxar contração muscular excessiva por conta do AVC;
  • Redução dos tremores do Parkinson;
  • Tratamento da gagueira.

botox

Como funciona o botox?

Para que haja a aplicação de toxina botulínica, é necessário que antes de tudo, o paciente passe por uma avaliação pelo profissional capacitado. É nessa avaliação que o especialista identifica as necessidades do caso e se o botox é realmente a melhor abordagem.

Com o consentimento do especialista, o paciente pode ser encaminhado a sessão. No início da sessão, para evitar desconforto pelas agulhas, há a passagem de um anestésico tópico no local a ser tratado.

Feito isso, as injeções são feitas em pontos estratégicos, sendo capaz de proporcionar os benefícios do botox estipulados. 

Como dito, por se tratar de um procedimento minimamente invasivo e de técnica descomplicada, o tempo de duração da sessão é curto, podendo ela durar por volta de 30 minutos.

Botox preventivo, o que é?

O botox preventivo, não se diferencia quanto a abordagem, mas sim quanto ao seu intuito.

Como o próprio nome indica, nesse caso, a intenção é prevenir os sinais adquiridos com o avanço da idade, os adiando e fazendo com que a pele se mantenha bonita e saudável por mais tempo.

Assim sendo, de acordo com as áreas de aplicação, o botox posterga o aparecimento desses vincos e de seu incômodo pelo estímulo do colágeno na região.

Pessoas que tendem a formar linhas, seja na testa, ao redor dos olhos ou entre as sobrancelhas, por conta das frequentes contrações da musculatura da face, e que tendem a se expressar pela face, são as mais indicadas a receberem o procedimento.

Por conta disso, não existe idade específica para que esse procedimento seja iniciado, mesmo que as linhas de expressão tendem a começar a aparecer dos 25 aos 30 anos de idade.

Contudo, há pessoas que se desenvolvem mais cedo, aos 20 anos, que geralmente são pessoas de pele ou fina ou muito expressivas, mas o grau varia de pessoa em pessoa, já que existem pessoas de 40 anos que não apresentam tantas rugas.

Através do botox preventivo, em essência, a musculatura promove um relaxamento temporário por conta da suavização das rugas causadas pela contração muscular na região da aplicação. Isso antes que os vincos comecem a marcar e comprometer a aparência da pele.

Botox preventivo antes e depois

Pelo botox preventivo não é possível perceber uma diferença significativa de imediato pela sessão, isso já que, na realidade, não há um resultado final, mas sim o prolongamento de uma pele jovem e saudável.

O botox preventivo, por sua vez, possibilita que o paciente se veja livre das rugas estáticas por mais tempo, aproveitando uma pele mais suave, viçosa e de boa elasticidade por mais tempo, e assim, a sua satisfação quanto a aparência e boa autoestima.

Também é possível perceber um efeito de uniformização da pele e harmonização facial.

A toxina botulínica começa a agir de 2 ou 3 dias após a aplicação e seu efeito dura em média de 4 a 6 meses.

botox preventivo antes e depois

Quais são os cuidados após o procedimento?

Para evitar surpresas desagradáveis e complicações à saúde, é muito importante seguir todas as orientações passadas pelo especialista para o botox antes e depois.

Entre as principais orientações estão:

  • Evitar exposição solar – principalmente em caso de hematoma;
  • Uso diário de filtro solar com FPS 30 ou outro fator superior;
  • Não massagear o rosto nas primeiras 4 horas;
  • Evitar deitar ou abaixar a cabeça por 4 horas;
  • Evitar realizar atividades físicas por 24h após a sessão;
  • Respeitar o prazo mínimo de 3 meses entre as aplicações;
  • Evitar o uso exagerado de cosméticos;
  • Tomar devidamente as medicações – caso indicado.

A adesão de bons hábitos é uma forma de fazer com que os efeitos percebidos sejam mais duradouros, principalmente se há uma maior probabilidade genética para o aparecimento das rugas. Entre esses bons hábitos vale ressaltar uma alimentação saudável, boa ingestão de água, uso de protetor solar diário e uma boa rotina de skincare. Evitar expressões faciais marcantes também pode ajudar.

Buscando correções ainda mais aprofundadas, o profissional pode indicar a realização de outros procedimentos, proporcionando mais volume para a região, uma pele mais firme e um efeito lifting. Entre os procedimentos que podem ser combinados, estão o preenchimento facial, para o tratamento de rugas estáticas causadas pelo avanço da idade, preenchimento labial para o aumento do volume dos lábios e a colocação de fios de sustentação facial para o efeito lifting.

Efeitos colaterais e contraindicações

Como um procedimento estético, o botox, seja ele corretivo ou preventivo, pode proporcionar algumas reações após a sua realização, também tendo as suas contraindicações, que devem ser levadas em conta antes da realização do procedimento.

Após o procedimento é comum a formação de edemas (inchaços), hematomas com sangramento, dores de cabeça (leve ou moderada), sintomas de gripes, parestesia (formigamento e sensibilidade), sonolência e fraqueza muscular, que devem passar em alguns dias.

Quanto às contraindicações, o procedimento não será indicado em casos de:

  • Gestantes;
  • Lactantes;
  • Pessoas que amamentam;
  • Doenças neuromusculares, imunológicas e coagulopatias;
  • Pacientes com alergia a algum componente da toxina.

Caso o procedimento seja feito em condições contraindicadas, o paciente ficará suscetível a alguns riscos como a queda das pálpebras, paralisia facial, assimetria facial e até mesmo a contaminação por botulismo, em caso de exagero do produto. Por isso, é muito importante que o procedimento seja feito por um profissional capacitado e seguindo as recomendações da Anvisa.

Botox, quanto custa o procedimento?

O preço do procedimento com aplicação de toxina botulínica é bastante variável, tendendo a alternar quanto o local que irá receber as injeções, profissional responsável, clínica escolhida e é proporcional a quantidade utilizada da substância.

Aqui na Hamonir, você pode se beneficiar da aplicação de toxina botulínica por um preço acessível e que cabe no seu bolso, sendo:

Botox® – 01 região: Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Glabela: Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Mandíbula (Bruxismo): Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Nefertite: Em 12x de R$155,83 sem juros no Cartão

Botox® – Pés de Galinha: Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Sorriso Gengival: Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Sudorese: Em 12x de R$130,83 sem juros no Cartão

Botox® – Testa: Em 12x de R$47,50 sem juros no Cartão

Botox® – Full Face 3 regiões (Testa, Glabela e Pés de Galinha): Em 12x de R$80,83 sem juros no Cartão

Na clínica de estética Hamonir, você tem acesso ao melhor da Harmonização, Estética e Depilação por preços acessíveis e que cabem no seu bolso! A equipe da Hamonir é formada por profissionais capacitados e que estão determinados em aumentar a sua autoestima com fidelidade aos seus sonhos!

Agende já a sua Avaliação Gratuita e nós entraremos em contato com você!

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *